Sexta, 09 Dezembro 2016 21:46

A ARBITRAGEM DA CBF EM COMPETIÇÕES NACIONAIS NO ANO DE 2016 Destaque

Escrito por  LG
Avalie este item
(0 votos)

 

O futebol brasileiro, em 2016, inicia o recesso de final de ano, com a conclusão da 38ª rodada, a última do Campeonato Brasileiro da Série A, que ocorrerá domingo (11/12), já que foi adiada, em uma semana, em virtude da tragédia com a delegação da Chapecoense-SC, em Medellin, na Colômbia, terça-feira (29/11), quando o avião que transportava jogadores e dirigentes do clube catarinense e profissionais de imprensa, caiu, ao realizar os procedimentos para pouso, matando 71 pessoas.

A Chapecoense jogaria com o Atlético Nacional de Medellin, a primeira partida da final da Copa Sul-Americana. Com o desastre, a última rodada do Brasileirão da Série A, que deveria ocorrer no domingo seguinte ao desastre (04/12), foi transferida para o dia 11 de dezembro, encerrando as competições no ano. Com a definição do quadro de arbitragem da 38ª rodada da Série A, a avaliação estatística das arbitragens, em competições nacionais, promovidas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), poderá ser conferida abaixo.

Com o encerramento do calendário de jogos no próximo domingo (11/12), chega-se a marca de 1.382 partidas realizadas, em competições nacionais organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), sendo 162 partidas pela Copa do Brasil, 380 partidas pelo Campeonato Brasileiro da Série A, 380 partidas pelo Campeonato Brasileiro da Série B, 194 partidas pelo Campeonato Brasileiro da Série C e 266 partidas pelo Campeonato Brasileiro da Série D. As copas regionais, embora organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF), em parceria com ligas regionais, não são consideradas competições nacionais.

Nas 162 partidas da Copa do Brasil 2016, 86 árbitros atuaram e os que mais apitaram foram: Diego Almeida Real/RS (Aspirante), 6 partidas; Emerson de Almeida Ferreira/MG (CBF1), 5 partidas; Gilberto Rodrigues Castro Júnior/PE (CBF1), 5 partidas; Rodolpho Toski Marques/PR (Aspirante), 5 partidas; Thiago Duarte Peixoto/SP (Aspirante), 5 partidas; Bruno Arleu de Araújo/RJ (CBF1), 4 partidas; Eduardo Tomaz de Aquino Valadão/GO (CBF1), 4 partidas; Rafael Traci/PR (Aspirante) 4 partidas; Rodrigo Batista Raposo/DF (Aspirante), 4 partidas; Vinícius Furlan/SP (Aspirante), 4 partidas; Vinícius Gonçalves Dias Araújo/SP (CBF2), 4 partidas; Wânderson Alves de Sousa/MG (CBF1), 4 partidas.

Este ano, dois árbitros cearenses apitaram na competição: Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), em duas partidas e Avelar Rodrigo da Silva (CBF1), em uma partida.

No Campeonato Brasileiro da Série A, com a finalização da última rodada, 380 partidas terão acontecido, com 48 árbitros atuando em todos os jogos da competição. Os árbitros que mais apitaram foram: Anderson Daronco/RS (FIFA), 22 partidas; Dewson Fernando Freitas da Silva/PA (FIFA), 21 partidas; Luiz Flávio de Oliveira/SP (FIFA), 20 partidas; Leandro Pedro Vuaden/RS (FIFA), 17 partidas; Raphael Claus/SP (FIFA), Ricardo Marques Ribeiro/MG (FIFA) e Wilton Pereira Sampaio/GO (FIFA), 16 partidas, cada; e Wagner do Nascimento Magalhães/RJ (Aspirante), 14 partidas.

Este ano, somente um árbitro cearense atuou na competição: Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), que apitou somente uma partida.

No Campeonato Brasileiro da Série B, foram realizadas 380 partidas e 92 árbitros atuaram na competição. Os árbitros que mais apitaram foram: Cláudio Francisco Lima e Silva/SE (ESP2), 11 partidas; Alisson Sidnei Furtado/TO (CBF1) e Emerson de Almeida Ferreira/MG (ASP), 9 partidas, cada; Francisco de Paula dos Santos Silva Neto/RS(CBF1), Marcos Mateus Pereira/MS (CBF1) e Vinícius Furlan/SP (Aspirante), 8 partidas, cada; Felipe Duarte Varejão/ES (Aspirante), Flávio Rodrigues de Souza/SP (Aspirante), Gilberto Rodrigues Castro Júnior/PE (Aspirante), Igor Júnio Benevenuto/MG (Aspirante),Jaílson Macedo Freitas/BA (ESP2),Pablo dos Santos Alves/PB (ESP2),Paulo Henrique Schleich Vollkopf/MS (CBF1) e Renan Roberto de Souza/PB (CBF1), 7 partidas, cada.

Os árbitros cearenses que atuaram, este ano, na competição foram: Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), em seis partidas; Léo Simão Holanda (CBF1), em três partidas e Avelar Rodrigo da Silva (CBF1), em somente uma partida.

Já no Campeonato Brasileiro da Série C, foram realizadas 194 partidas, com 98 árbitros atuando na competição. Os árbitros que mais apitaram foram: Edivaldo Elias da Silva/PR (CBF2), com 6 partidas; Bráulio da Silva Machado/SC (Aspirante), com 5 partidas; Alinor Silva da Paixão/MT (CBF1), Alisson Sidnei Furtado/TO (CBF1), Antônio Rogério Batista do Prado/SP (CBF1),Bruno Rezende Silva/GO (CBF1), Célio Amorim/SC (ESP2), Jaílson Macedo Freitas/BA (ESP2), Marcos Mateus Pereira/MS (CBF1) e Rudimar Goltara/ES (CBF2), com 4 partidas, cada.

Somente dois árbitros cearenses atuaram, este ano, na competição. Foram: Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), com três partidas arbitradas e Léo Simão Holanda (CBF1), com duas partidas arbitradas.

E finalmente, no Campeonato Brasileiro da Série D, foram realizadas 266 partidas, com 143 árbitros atuando na competição. Os árbitros que mais apitaram foram: Aurélio Santana Martins/SP (CBF1) eSávio Pereira Sampaio/DF (CBF1), 5 partidas, cada; Christiano Gayo Nascimento/DF (CBF2), Dyorgines José Padovani de Andrade/ES (CBF2), Leonardo Sígari Zanon/PR (CBF2), Renato Cardoso da Conceição/MG (CBF2),Roberto Giovanny Oliveira Silva/GO (CBF2), Salim Fende Chavez/SP (CBF3) e William Machado Steffen/SC (CBF2), com 4 partidas, cada.

Este ano, seis árbitros cearenses apitaram na competição: Léo Simão Holanda (CBF1), emtrês partidas; Avelar Rodrigo da Silva (CBF1), Glauco Nunes Feitosa (CBF2) e Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), em duas partidas, cada; e Francisco de Assis Almeida Filho (ESP2) e José Cleuton de Souza Lima (CBF2), em uma partida, cada.

Ao todo, 173 árbitros da Relação Nacional de Árbitros de Futebol (RENAF) atuaram nas 1.382 partidas das 5 competições nacionais. Os árbitros que mais atuaram, este ano, foram: Anderson Daronco/RS (FIFA), 26 partidas; Dewson Fernando Freitas da Silva/PA (FIFA) e Luiz Flávio de Oliveira/SP (FIFA), 25 partidas, cada; Ricardo Marques Ribeiro/MG (FIFA) e Jailson Macedo Freitas/BA (ESP2), 24 partidas, cada; Emerson de Almeida Ferreira/MG (Aspirante)Rodolpho Toski Marques/PR (Aspirante) e Wagner do Nascimento Magalhães/RJ (Aspirante), 23 partidas, cada; Bráulio da Silva Machado/SC (Aspirante), Elmo Alves Resende Cunha/GO (ESP2) e Leandro Pedro Vuaden/RS (FIFA),22 partidas, cada; Péricles Bassols Pegado Cortez/PE (FIFA), Raphael Clauss/SP (FIFA) e Thiago Duarte Peixoto/SP (Aspirante), 20 partidas, cada.

Das 1.382 partidas realizadas em competições nacionais da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), 30 foram apitadas por árbitros cearenses, o que representa 2,17% do total. Dos sete árbitros cearenses que fazem parte da Relação Nacional de Árbitros de Futebol (RENAF), somente Antônio Magno Lima Cordeiro (CBF3) não apitou nenhuma partida. Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), foi o único árbitro cearense que atuou nas cinco competições nacionais (Copa do Brasil e Séries A, B, C e D), com 14 partidas arbitradas; Léo Simão Holanda (CBF1) apitou 8 partidas; Avelar Rodrigo da Silva (CBF1), 4 partidas; Glauco Nunes Feitosa (CBF2), 2 partidas e Francisco de Assis Almeida Filho (ESP2) e  José Cleuton de Souza Lima (CBF2), uma partida, cada.

Abaixo segue a relação nominal dos árbitros, a quantidade de partidas arbitradas, individualmente e por federação estadual, o percentual em relação ao total de jogos (1.382), a posição da federação no Ranking Nacional das Federações, em 2016 e as atuações dos árbitros por competição:

 

1º) São Paulo – Participou com vinte e um árbitros: Luiz Flávio de Oliveira (FIFA), Raphael Clauss (FIFA), Thiago Duarte Peixoto (Aspirante), Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (CBF1), Vinícius Furlan (Aspirante), Flávio Rodrigues de Souza (Aspirante), Vinícius Gonçalves Dias Araújo (CBF2), Antônio Rogério Batista do Prado (CBF1), José Cláudio Rocha Filho (CBF1), Leandro Bizzio Marinho (CBF1), Salim Fende Chavez (CBF3), Aurélio Santana Martins (CBF1), Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral (CBF2), Douglas Marques das Flores (CBF3), Leonardo Ferreira Lima (CBF3), Márcio Henrique de Góis (CBF2), Thiago Luiz Scarascati (CBF3), Adriano de Assis Miranda (CBF2), Ilbert Estevam da Silva (CBF3), Rafael Gomes Felix da Silva (CBF3) e Rodrigo Gomes Paes Domingues (CBF3), que atuaram em 197 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 14,25% do total. A Federação Paulista de Futebol ocupa a 1ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Luiz Flávio de Oliveira/SP (FIFA) 1 20 3 1 0 25
2 Raphael Clauss/SP (FIFA) 0 16 4 0 0 20
3 Thiago Duarte Peixoto/SP (ASP) 5 7 5 2 1 20
4 Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza/SP (CBF1) 3 8 5 1 2 19
5 Vinícius Furlan/SP (ASP) 4 3 8 2 0 17
6 Flávio Rodrigues de Souza/SP (ASP) 3 4 7 2 0 16
7 Vinícius Gonçalves Dias Araújo/SP (CBF2) 4 0 6 2 2 14
8 Antônio Rogério Batista do Prado/SP (CBF1) 1 0 5 4 3 13
9 José Cláudio Rocha Filho/SP (CBF1) 2 1 3 3 1 10
10 Leandro Bizzio Marinho/SP (CBF1) 1 0 4 3 1 9
11 Salim Fende Chavez/SP (CBF3) 1 0 1 1 4 7
12 Aurélio Santana Martins/SP (CBF1) 0 0 0 1 5 6
13 Rodrigo Guarizo Ferreira do Amaral/SP (CBF2) 0 0 1 3 2 6
14 Douglas Marques das Flores/SP (CBF3) 0 0 0 2 1 3
15 Leonardo Ferreira Lima/SP (CBF3) 0 0 0 1 2 3
16 Márcio Henrique de Góis/SP (CBF2) 1 0 0 1 1 3
17 Thiago Luiz Scarascati/SP (CBF3) 0 0 0 0 2 2
18 Adriano de Assis Miranda/SP (CBF2) 0 0 0 1 0 1
19 Ilbert Estevam da Silva/SP (CBF3) 0 0 0 0 1 1
20 Rafael Gomes Felix da Silva/SP (CBF3) 0 0 0 0 1 1
21 Rodrigo Gomes Paes Domingues/SP (CBF3) 0 0 0 0 1 1
    26 59 52 30 30 197

 

) Rio de Janeiro – Participou com quatorze árbitros: Wagner do Nascimento Magalhães (Aspirante), Bruno Arleu de Araújo (Aspirante), Grazianni Maciel Rocha (CBF2), João Batista de Arruda (CBF1), Alexandre Vargas Tavares de Jesus (CBF1), Leonardo Garcia Cavaleiro (CBF1), Rodrigo Carvalhaes de Miranda (CBF1), Rodrigo Nunes de Sá (CBF1), Pathrice Wallace Corrêa Maia (CBF1), Philip Georg Bennett (CBF2), Leandro Newley Ferreira Belota/RJ (CBF2), João Ênnio Sobral/RJ (CBF2), Carlos Eduardo Nunes Braga/RJ (CBF2) e Daniel de Sousa Macedo/RJ (CBF2), que atuaram em 139 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 10,05% do total. A Federação de Futebol do Rio de Janeiro ocupa a 2ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Wagner do Nascimento Magalhães/RJ (ASP) 1

14

6 1 1 23
2 Bruno Arleu de Araújo/RJ (ASP) 4 6 6 2 1 19
3 Grazianni Maciel Rocha/RJ (CBF2) 1 5 6 3 2 17
4 João Batista de Arruda/RJ (CBF1) 1 6 6 2 1 16
5 Alexandre Vargas Tavares de Jesus/RJ (CBF1) 3 0 5 0 2 10
6 Leonardo Garcia Cavaleiro/RJ (CBF1) 1 3 5 1 0 10
7 Rodrigo Carvalhaes de Miranda/RJ (CBF1) 2 0 3 3 2 10
8 Rodrigo Nunes de Sá/RJ (CBF1) 1 1 4 3 0 9
9 Pathrice Wallace Corrêa Maia/RJ (CBF1) 1 0 5 1 1 8
10 Philip Georg Bennett/RJ (CBF2) 0 0 4 2 2 8
11 Leandro Newley Ferreira Belota/RJ (CBF2) 1 0 0 1 3 5
12 João Ênnio Sobral/RJ (CBF2) 0 0 0 0 2 2
13 Carlos Eduardo Nunes Braga/RJ (CBF2) 0 0 0 0 1 1
14 Daniel de Sousa Macedo/RJ (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    16 35 50 19 19 139

 

3º) Rio Grande do Sul – Participou com oito árbitros: Anderson Daronco (FIFA), Leandro Pedro Vuaden (FIFA), Diego Almeida Real (Aspirante), Jean Pierre Gonçalves Lima (Aspirante), Francisco de Paula dos Santos Silva Neto (CBF1), Luis Teixeira Rocha (CBF1), Daniel Nobre Bins (CBF1) e Roger Goulart (CBF2), que atuaram em 103 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 7,45% do total. A Federação Gaúcha de Futebol ocupa a 5ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Anderson Daronco/RS (FIFA) 1 22 0 2 1 26
2 Leandro Pedro Vuaden/RS (FIFA) 0 17 5 0 0 22
3 Diego Almeida Real/RS (ASP) 6 5 6 1 0 18
4 Jean Pierre Gonçalves Lima/RS (ASP) 1 10 4 2 0 17
5 Francisco de Paula dos Santos Silva Neto/RS (CBF1) 2 1 8 2 0 13
6 Luis Teixeira Rocha/RS (CBF1) 0 0 2 2 1 5
7 Daniel Nobre Bins/RS (CBF1) 0 0 0 0 1 1
8 Roger Goulart/RS (CBF2) 1 0 0 0 0 1
    11 55 25 9 3 103

 

) Goiás – Participou com sete árbitros: Elmo Alves Resende Cunha (ESP2), Eduardo Tomaz de Aquino Valadão (Aspirante), Wilton Pereira Sampaio (FIFA), André Luiz de Freitas Castro (Aspirante), Bruno Rezende Silva (CBF1), Roberto Giovanny Oliveira Silva (CBF2) e Osimar Moreira da Silva Júnior (CBF2), que atuaram em 95 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 6,87% do total. A Federação Goiana de Futebol ocupa a 8ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Elmo Alves Resende Cunha/GO (ESP2) 2 13 3 3 1 22
2 Eduardo Tomaz de Aquino Valadão/GO (ASP) 4 8 4 3 0 19
3 Wilton Pereira Sampaio/GO (FIFA) 2 16 0 1 0 19
4 André Luiz de Freitas Castro/GO (ESP) 2 8 6 0 1 17
5 Bruno Rezende Silva/GO (CBF1) 2 0 1 4 3 10
6 Roberto Giovanny Oliveira Silva/GO (CBF2) 2 0 0 1 4 7
7 Osimar Moreira da Silva Júnior/GO (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    14 45 14 12 10 95

 

)Minas Gerais Participou com onze árbitros: Ricardo Marques Ribeiro (FIFA), Emerson de Almeida Ferreira (Aspirante), Igor Júnio Benevenuto (Aspirante), Wanderson Alves de Sousa (CBF1), Renato Cardoso da Conceição (CBF2), Cleisson Veloso Pereira (CBF1), Flávio Henrique Coutinho Teixeira (CBF2), Gabriel Murta Barbosa Maciel (CBF3), Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira (CBF3), Ronei Cândido Alves (CBF3) e Jerferson Antônio da Costa (CBF3), que atuaram em 92 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 6,65% do total. A Federação Mineira de Futebol ocupa a 3ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Ricardo Marques Ribeiro/MG (FIFA) 3 16 4 1 0 24
2 Emerson de Almeida Ferreira/MG (ASP) 5 6 9 2 1 23
3 Igor Júnio Benevenuto/MG (ASP) 1 6 7 0 1 15
4 Wanderson Alves de Sousa/MG (CBF1) 4 0 2 2 3 11
5 Renato Cardoso da Conceição/MG (CBF2) 0 0 1 1 4 6
6 Cleisson Veloso Pereira/MG (CBF1) 1 0 2 1 0 4
7 Flávio Henrique Coutinho Teixeira/MG (CBF2) 0 0 0 0 2 2
8 Gabriel Murta Barbosa Maciel/MG (CBF3) 0 0 0 0 2 2
9 Marco Aurélio Augusto Fazekas Ferreira/MG (CBF3) 0 0 0 0 2 2
10 Ronei Cândido Alves/MG (CBF3) 0 0 0 0 2 2
11 Jerferson Antônio da Costa/MG (CBF3) 0 0 0 0 1 1
    14 28 25 7 18 92

 

6º) Santa Catarina Participou com dez árbitros: Bráulio da Silva Machado (Aspirante), Heber Roberto Lopes (FIFA), Sandro Meira Ricci (FIFA), Célio Amorim (ESP2), Rodrigo D’Alonso Ferreira (CBF1),  Ronan Marques da Rosa (CBF2), William Machado Steffen (CBF2), Eduardo Cordeiro Guimarães (CBF2), Edson da Silva (CBF2) e Evandro Tiago Bender (CBF2), que atuaram em 87 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 6,29% do total. A Federação Catarinense de Futebol ocupa a 4ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Bráulio da Silva Machado/SC (ASP) 1 11 4 5 1 22
2 Heber Roberto Lopes/SC (FIFA) 2 11 3 0 1 17
3 Sandro Meira Ricci/SC (FIFA) 0 10 1 1 0 12
4 Célio Amorim/SC (ESP2) 0 0 6 4 0 10
5 Rodrigo D’ Alonso Ferreira/SC (CBF1) 1 2 3 2 2 10
6 Ronan Marques da Rosa/SC (CBF2) 1 0 0 3 1 5
7 William Machado Steffen/SC (CBF2) 1 0 0 0 4 5
8 Eduardo Cordeiro Guimarães/SC (CBF2) 0 0 0 2 2 4
9 Edson da Silva/SC (CBF2) 0 0 0 0 1 1
10 Evandro Tiago Bender/SC (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    6 34 17 17 13 87

 

) Pernambuco – Participou com onze árbitros: Péricles Bassols Pegado Cortez (FIFA), Gilberto Rodrigues Castro Júnior (Aspirante), Emerson Luiz Sobral (CBF1), Nielson Nogueira Dias (ESP2), Sebastião Rufino Ribeiro Filho (CBF2), Luiz Claudio Sobral (CBF2), Marcelo de Lima Henrique (ESP1), José Woshington da Silva (CBF2), Deborah Cecília Cruz Correia (Aspirante), Gleydson Ferreira Leite (CBF2) e Tiago Nascimento dos Santos (CBF3), que atuaram em 86 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 6,22% do total. A Federação Pernambucana de Futebol ocupa a 7ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Péricles Bassols Pegado Cortez/PE (FIFA) 2 12 2 2 2 20
2 Gilberto Rodrigues Castro Júnior/PE (ASP) 5 3 7 2 1 18
3 Emerson Luiz Sobral/PE (CBF1) 1 1 5 2 3 12
4 Nielson Nogueira Dias/PE (ESP2) 1 5 4 1 0 11
5 Sebastião Rufino Ribeiro Filho/PE (CBF2) 0 0 3 2 3 8
6 Luiz Claudio Sobral/PE (CBF2) 0 0 2 0 3 5
7 Marcelo de Lima Henrique/PE (ESP1) 1 2 2 0 0 5
8 José Woshington da Silva/PE (CBF2) 0 0 0 1 2 3
9 Deborah Cecília Cruz Correia/PE (ASP) 0 0 0 0 2 2
10 Gleydson Ferreira Leite/PE (CBF2) 0 0 0 0 1 1
11 Tiago Nascimento dos Santos/PE (CBF3) 0 0 0 0 1 1
    10 23 25 10 18 86

 

) Paraná – Participou com dez árbitros: Rodolpho Toski Marques (Aspirante), Rafael Traci (CBF1), Adriano Milczvski (CBF1), Edivaldo Elias da Silva (CBF2), Fábio Filipus (CBF1), Leonardo Sígari Zanon (CBF2), Felipe Gomes da Silva (Aspirante), Paulo Roberto Alves Júnior (CBF1), Edina Alves Batista (FIFA) e Lucas Paulo Torezin (CBF3) , que atuaram em 73 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 5,28% do total. A Federação Paranaense de Futebol ocupa a 6ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Rodolpho Toski Marques/PR (ASP) 5 9 4 3 2 23
2 Rafael Traci/PR (CBF1) 4 7 5 2 1 19
3 Adriano Milczvski/PR (CBF1) 2 0 3 1 2 8
4 Edivaldo Elias da Silva/PR (CBF2) 0 0 0 6 1 7
5 Fábio Filipus/PR (CBF1) 0 0 2 2 2 6
6 Leonardo Sígari Zanon/PR (CBF2) 0 0 0 0 4 4
7 Felipe Gomes da Silva/PR (ASP) 0 0 1 1 0 2
8 Paulo Roberto Alves Júnior/PR (CBF1) 1 0 0 0 1 2
9 Edina Alves Batista/PR (FIFA) 0 0 0 0 1 1
10 Lucas Paulo Torezin/PR (CBF3) 0 0 0 0 1 1
    12 16 15 15 15 73

 

) Bahia – Participou com cinco árbitros: Jaílson Macedo Freitas (ESP2), Marielson Alves Silva (Aspirante),Gleidson Santos Oliveira (CBF2), Diego Pombo Lopez (CBF2) e Johnn Herbert Alves Bispo (CBF2), que atuaram em 55 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 3,97% do total. A Federação Baiana de Futebol ocupa a 9ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Jailson Macedo Freitas/BA (ESP2) 3 9 7 4 1 24
2 Marielson Alves Silva/BA (ASP) 1 8 5 1 0 15
3 Gleidson Santos Oliveira/BA (CBF2) 0 0 5 3 0 8
4 Diego Pombo Lopez/BA (CBF2) 1 0 0 2 3 6
5 Johnn Herbert Alves Bispo/BA (CBF2) 0 0 0 1 1 2
    5 17 17 11 5 55

 

10º) Pará – Participou com seis árbitros: Dewson Fernando Freitas da Silva (FIFA), Andrey da Silva e Silva (CBF1), Joelson Nazareno Ferreira Cardoso (CBF2), Gustavo Ramos Melo (CBF2), Wasley do Couto Leão (CBF2) e Djonaltan Costa de Araújo (CBF2) , que atuaram em 46 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 3,32% do total. A Federação Paraense de Futebol ocupa a 13ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Dewson Fernando Freitas da Silva/PA (FIFA) 1 21 3 0 0 25
2 Andrey da Silva e Silva/PA (CBF1) 1 0 2 2 3 8
3 Joelson Nazareno Ferreira Cardoso/PA (CBF2) 3 0 3 1 1 8
4 Gustavo Ramos Melo/PA (CBF2) 0 0 0 0 2 2
5 Wasley do Couto Leão/PA (CBF2) 0 0 0 0 2 2
6 Djonaltan Costa de Araújo/PA (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    5 21 8 3 9 46

 

11º) Matogrosso do Sul – Participou com seis árbitros: Paulo Henrique Schleich Vollkopf (CBF1), Marcos Mateus Pereira (CBF1), Paulo Henrique de Melo Salmazio (CBF1), Thiago de Alencar Gonzaga (CBF2), Renan Novaes Insabralde (CBF3) e Rafael Pietrafesa (CBF3), que atuaram em 45 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 3,25% do total. A Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul ocupa a 22ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Paulo Henrique Schleich Vollkopf/MS (CBF1) 3 4 7 1 1 16
2 Marcos Mateus Pereira/MS (CBF1) 0 0 8 4 3 15
3 Paulo Henrique de Melo Salmazio/MS (CBF1) 1 0 6 1 0 8
4 Thiago de Alencar Gonzaga/MS (CBF2) 0 0 1 0 2 3
5 Renan Novaes Insabralde/MS (CBF3) 0 0 0 0 2 2
6 Rafael Pietrafesa/MS (CBF3) 0 0 0 0 1 1
    4 4 22 6 9 45

 

12º) Distrito Federal – Participou com seis árbitros: Rodrigo Batista Raposo (Aspirante), Sávio Pereira Sampaio (CBF1), Christiano Gayo Nascimento (CBF2), Wales Martins de Souza (CBF2), Vanderlei Soares de Macedo (CBF2) e Rafael Martins Diniz (CBF1), que atuaram em 44 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 3,18% do total. A Federação de Futebol do Distrito Federal ocupa a 17ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Rodrigo Batista Raposo/DF (ASP) 4 6 5 1 1 17
2 Sávio Pereira Sampaio/DF (CBF1) 1 1 2 3 5 12
3 Christiano Gayo Nascimento/DF (CBF2) 0 0 0 1 4 5
4 Wales Martins de Souza/DF (CBF2) 1 0 1 0 3 5
5 Vanderlei Soares de Macedo/DF (CBF2) 0 0 0 1 2 3
6 Rafael Martins Diniz/DF (CBF1) 1 0 0 0 1 2
    7 7 8 6 16 44

 

13º) Espírito Santo – Participou com seis árbitros: Dyorgines José Padovani de Andrade (CBF2), Devarly Lira do Rosário (CBF1), Felipe Duarte Varejão (Aspirante), Rudimar Goltara (CBF2), Elvis Siqueira de Almeida (CBF2) e Geanderson da Conceição Godoi (CBF2), que atuaram em 44 partidas, na Copa do Brasil e Séries B, C e D, correspondendo a 3,18% do total. A Federação de Futebol do Espírito Santo ocupa a23ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Dyorgines José Padovani de Andrade/ES (CBF2) 1 0 5 3 4 13
2 Devarly Lira do Rosário/ES (CBF1) 2 0 5 3 2 12
3 Felipe Duarte Varejão/ES (ASP) 2 0 7 2 1 12
4 Rudimar Goltara/ES (CBF2) 0 0 0 4 1 5
5 Elvis Siqueira de Almeida/ES (CBF2) 0 0 0 0 1 1
6 Geanderson da Conceição Godoi/ES (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    5 0 17 12 10 44

 

14º) Matogrosso – Participou com seis árbitros: Wagner Reway (Aspirante),Alinor Silva da Paixão (CBF1),Marcelo Alves dos Santos (CBF2),Rafael Odílio Ramos dos Santos (CBF2),Rodrigo da Fonseca Silva (CBF3) e Sílvio André Loureiro de Lima (CBF2), que atuaram em 34 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 2,46% do total. A Federação Matogrossense de Futebol ocupa a 14ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Wagner Reway/MT (ASP) 1 13 3 0 2 19
2 Alinor Silva da Paixão/MT (CBF1) 0 0 4 4 3 11
3 Marcelo Alves dos Santos/MT (CBF2) 0 0 0 0 1 1
4 Rafael Odílio Ramos dos Santos/MT (CBF2) 0 0 0 0 1 1
5 Rodrigo da Fonseca Silva/MT (CBF3) 0 0 0 0 1 1
6 Sílvio André Loureiro de Lima/MT (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    1 13 7 4 9 34

 

15º) Sergipe Participou com cinco árbitros: Cláudio Francisco Lima e Silva (ESP2), Claudionor dos Santos Júnior (CBF2), Eduardo de Santana Nunes (CBF1),Diego da Silva (CBF3) e Michael Vinícius Santos Freitas (CBF2), que atuaram em 33 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 2,38% do total. A Federação Sergipana de Futebol ocupa a 19ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Cláudio Francisco Lima e Silva/SE (ESP2) 2 4 11 2 0 19
2 Claudionor dos Santos Júnior/SE (CBF2) 2 0 0 0 3 5
3 Eduardo de Santana Nunes/SE (CBF1) 2 0 0 0 2 4
4 Diego da Silva/SE (CBF3) 0 0 0 0 3 3
5 Michael Vinícius Santos Freitas/SE (CBF2) 0 0 0 0 2 2
    6 4 11 2 10 33

 

16º) Alagoas – Participou com cinco árbitros: Francisco Carlos do Nascimento (ESP1), Charles Hebert Cavalcante Ferreira (CBF1), José Ricardo Vasconcellos Laranjeira/AL (CBF2), José Reinaldo Figueiredo da Silva Filho/AL (CBF2) e Dênis da Silva Ribeiro Serafim/AL (CBF2), que atuaram em 32 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 2,31% do total. A Federação Alagoana de Futebol ocupa a 12ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Francisco Carlos do Nascimento/AL (ESP1) 0 8 4 0 0 12
2 Charles Hebert Cavalcante Ferreira/AL (CBF1) 1 0 2 2 2 7
3 José Ricardo Vasconcellos Laranjeira/AL (CBF2) 1 0 3 0 3 7
4 José Reinaldo Figueiredo da Silva Filho/AL (CBF2) 1 0 0 1 2 4
5 Dênis da Silva Ribeiro Serafim/AL (CBF2) 0 0 0 0 2 2
    3 8 9 3 9 32

 

17º) Paraíba – Participou com cinco árbitros: Pablo dos Santos Alves (ESP2), Renan Roberto de Souza (CBF1), Clizaldo Luiz Maroja Di Pace França (CBF2), Eder Caxias Meneses (CBF2) e Emanuel Diniz de Araújo (CBF2), que atuaram em 31 partidas, nas Séries A, B, C e D, correspondendo a 2,24% do total. A Federação Paraibana de Futebol ocupa a16ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Pablo dos Santos Alves/PB (ESP2) 0 6 7 1 1 15
2 Renan Roberto de Souza/PB (CBF1) 0 0 7 0 3 10
3 Clizaldo Luiz Maroja Di Pace França/PB (CBF2) 0 0 0 0 2 2
4 Eder Caxias Meneses/PB (CBF2) 0 0 0 0 2 2
5 Emanuel Diniz de Araújo/PB (CBF2) 0 0 0 0 2 2
    0 6 14 1 10 31

 

18º) Ceará  Participou com seis árbitros: Luiz César de Oliveira Magalhães (CBF1), Léo Simão Holanda (CBF1), Avelar Rodrigo da Silva (CBF1), Glauco Nunes Feitosa (CBF2), Francisco de Assis Almeida Filho (ESP2) e José Cleuton de Souza Lima (CBF2), que atuaram em 30 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 2,17% do total. A Federação Cearense de Futebol ocupa a 10ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Luiz César de Oliveira Magalhães/CE (CBF1) 2 1 6 3 2 14
2 Léo Simão Holanda/CE (CBF1) 0 0 3 2 3 8
3 Avelar Rodrigo da Silva/CE (CBF1) 1 0 1 0 2 4
4 Glauco Nunes Feitosa/CE (CBF2) 0 0 0 0 2 2
5 Francisco de Assis Almeida Filho/CE (ESP2) 0 0 0 0 1 1
6 José Cleuton de Souza Lima/CE (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    3 1 10 5 11 3

 

19º) Rio Grande do Norte  Participou com seis árbitros: Caio Max Augusto Vieira (CBF1), Zandick Gondim Alves Júnior (CBF2), Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (CBF1), Ítalo Medeiros de Azevedo (CBF2), Suelson Diógenes de França Medeiros (CBF2) e Leandro Saraiva Dantas de Oliveira (CBF2), que atuaram em 30 partidas, nas cinco competições nacionais, correspondendo a 2,17% do total. A Federação de Futebol do Rio Grande do Norte ocupa a 11ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Caio Max Augusto Vieira/RN (CBF1) 0 4 6 2 1 13
2 Zandick Gondim Alves Júnior/RN (CBF2) 1 0 0 2 3 6
3 Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro/RN (CBF1) 1 0 3 0 1 5
4 Ítalo Medeiros de Azevedo/RN (CBF2) 1 0 1 1 0 3
5 Suelson Diógenes de França Medeiros/RN (CBF2) 0 0 0 0 2 2
6 Leandro Saraiva Dantas de Oliveira/RN (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    3 4 10 5 8 30

 

20º) Tocantins – Participou com quatro árbitros: Alisson Sidnei Furtado (CBF1), Jânio Pires Gonçalves (CBF2), André Rodrigo Rocha (CBF2) e Leandro Cunha de Oliveira (CBF2), que atuaram em 25 partidas, na Copa do Brasil e Séries B, C e D, correspondendo a 1,80% do total. A Federação Tocantinense de Futebol ocupa a 24ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Alisson Sidnei Furtado/TO (CBF1) 2 0 9 4 2 17
2 Jânio Pires Gonçalves/TO (CBF2) 0 0 0 1 3 4
3 André Rodrigo Rocha/TO (CBF2) 0 0 0 1 1 2
4 Leandro Cunha de Oliveira/TO (CBF2) 0 0 0 0 2 2
    2 0 9 6 8 25

 

21º) Piauí  – Participou com quatro árbitros: Antônio Dib Moraes de Sousa (CBF1), Antônio Santos Nunes (CBF2), Diego da Silva Castro (CBF3) e Antônio José Lopes Trindade de Sousa (CBF2), que atuaram em 19 partidas, na Copa do Brasil e Séries B, C e D, correspondendo a 1,37% do total. A Federação Piauiense de Futebol ocupa a 21ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Antônio Dib Moraes de Sousa/PI (CBF1) 1 0 5 0 3 9
2 Antônio Santos Nunes/PI (CBF2) 1 0 1 1 3 6
3 Diego da Silva Castro/PI (CBF3) 0 0 0 0 3 3
4 Antônio José Lopes Trindade de Sousa/PI (CBF2) 0 0 0 0 1 1
    2 0 6 1 10 19

 

22º) Amazonas – Participou com quatro árbitros: Edimar Campos Encarnação (CBF1), Antônio Carlos Pequeno Frutuoso (CBF2), Ivan da Silva Guimarães Júnior (CBF3) e João Batista Cunha de Brito (CBF2), que atuaram em 17 partidas, na Copa do Brasil e Séries B, C e D, correspondendo a 1,23% do total. A Federação Amazonense de Futebol ocupa a18ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Edimar Campos Encarnação/AM (CBF1) 2 0 3 1 2 8
2 Antônio Carlos Pequeno Frutuoso/AM (CBF2) 1 0 1 1 2 5
3 Ivan da Silva Guimarães Júnior/AM (CBF3) 0 0 0 0 2 2
4 João Batista Cunha de Brito/AM (CBF2) 1 0 0 0 1 2
    4 0 4 2 7 17

 

23º) Maranhão – Participou com dois árbitros: Mayron Frederico dos Reis Novais (CBF2) e Paulo Sérgio Santos Moreira (CBF1), que atuaram em 14 partidas, na Copa do Brasil e Séries B, C e D, correspondendo a 1,01% do total. A Federação Maranhense de Futebol ocupa a15ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Mayron Frederico dos Reis Novais/MA (CBF2) 2 0 1 2 2 7
2 Paulo Sérgio Santos Moreira/MA (CBF1) 0 0 3 2 2 7
    2 0 4 4 4 14

 

24º) Acre Participou com dois árbitros: Carlos Ronne Casas de Paiva (CBF2) e José Antônio de Almeida Pinheiro (CBF2), que atuaram em 6 partidas, nas Séries B, C e D, correspondendo a 0,43% do total. A Federação Acriana de Futebol ocupa a20ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Carlos Ronne Casas de Paiva/AC (CBF2) 0 0 0 1 3 4
2 José Antônio de Almeida Pinheiro/AC (CBF2) 0 0 1 0 1 2
    0 0 1 1 4 6

 

25º) Rondônia – Participou com dois árbitros: Fledes Rodrigues Santos (CBF2) e Jonathan Antero Silva (CBF2), que atuaram em 3 partidas, na Copa do Brasil e Séries C e D, correspondendo a 0,21% do total. A Federação Rondoniense de Futebol ocupa a26ª colocação no RNF 2016:

  Árbitros

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Fledes Rodrigues Santos/RO (CBF2) 1 0 0 0 1 2
2 Jonathan Antero Silva/RO (CBF2) 0 0 0 1 0 1
    1 0 0 1 1 3

 

26º) Amapá – Participou com somente um árbitro: Valdicleuson Silva da Costa (CBF2), que atuou em 2 partidas, na Série C, correspondendo a 0,14% do total. A Federação Amapaense de Futebol ocupa a25ª colocação no RNF 2016:

  Árbitro

Copa

do

Brasil

Série

A

Série

B

Série

C

Série

D

Total
1 Valdicleuson Silva da Costa/AP (CBF2) 0 0 0 2 0 2
    0 0 0 2 0 2

 

27º) Roraima – único estado que não participou com nenhum árbitro em competições nacionais promovidas pela  Confederação Brasileira de Futebol (CBF).  A Federação de Futebol de Roraima ocupa a27ª colocação no RNF 2016.

 

LUIS GUILHERME MOURA GAYA

(85) 99705-2593

(85) 98714-5933

Lido 164 vezes Última modificação em Sexta, 09 Dezembro 2016 22:38
Banner Sky