Sábado, 11 Fevereiro 2017 18:58

Maranguape derrota Tiradentes e deixa a zona da degola Destaque

Escrito por 
Avalie este item
(20 votos)
Gavião da Serra reage no cearense e sobe para o quinto lugar Gavião da Serra reage no cearense e sobe para o quinto lugar Site oficial do Maranguape FC: www.maranguapefc.com.br

Em mais uma partida realizada no Domingão, o Maranguape venceu o Tiradentes pelo placar de 2 a 1. Na tarde deste sábado, o atacante Gugu e o goleiro Milton Buqueirão foram os grandes destaques no triunfo que tirou o Gavião da Serra da incômoda zona do rebaixamento. De quebra, a equipe ainda superou o próprio Tigre da PM na tabela de classificação. 

O jogo começou marcado por uma arbitragem confusa. O Maranguape chegou ao ataque com Harrisson, que rolou a bola para trás, Emerson furou, e sobrou para Gugu finalizar com força, a bola bateu no travessão e caiu dentro do gol. Inicialmente, o árbitro Rodrigues Júnior não validou o lance, mas acabou sendo salvo pela atenta assistente Carolina Romanholi.

Após polêmica de um lado, polêmica do outro. Dessa vez, em bola alçada na área, o zagueiro Maceió finalizou para as redes, mas o defensor adversário tirou com o braço; na sobra, Valdir Papel empurrou para o barbante. Qual a confusão? Após dar o gol para Maceió, o árbitro voltou atrás e o óbvio aconteceu: O tento foi computado para Valdir Papel.

Faltando dez minutos para acabar o primeiro tempo, o lateral Eduardo assustou Milton Buqueirão em arremate de fora da área. A bola passou muito perto.

Veio o segundo tempo e, com ele, novamente logo no início, o segundo tento de Gugu. Em cruzamento da direita de Paulinho, o artilheiro do Gavião da Serra dominou a bola com o pé direito, gingou para cima do marcador, puxou para o pé esquerdo e fuzilou sem chances para Jhones, que havia conquistado a titularidade do goleiro Alberto.

No transcorrer da segunda etapa, especialmente nos minutos finais, Milton Buqueirão foi bastante exigido pelo Tigre da PM. Além disso, ainda teve a sorte necessária para a posição de goleiro, como no chute cruzado do camisa 10, Alan, que parou na trave oposta. O árbitro assinalou 10 minutos de acréscimos, e Buqueirão demonstrava que não seria superado mesmo se a partida se arrastasse por horas ou dias. Uma jornada inesquecível, sem dúvidas. 

Com a vitória, o Maranguape chegou aos 8 pontos, saiu da penúltima colocação para ocupar a quinta posição. O Gavião da Serra volta a campo no dia 18/02, às 16h, no Domingão, para enfrentar o desesperado Guarany de Sobral. Enquanto isso, o Tiradentes perde a segunda partida seguida por 2 a 1, estaciona nos 7 pontos, na sexta posição, e buscará sua reabilitação frente ao Ferroviário, também no dia 18/02, às 16h, na Arena Castelão. 

 

FICHA TÉCNICA:

Maranguape 2 x 1 Tiradentes

Local: Domingão

Data: 11/02/2017

Hora: 16h

MARANGUAPE: Milton Buqueirão, Emerson, Jair (Rafael Sousa), Albano, Elvis, Rafael Bizinga, Anderson Paãn, Paulinho (Mateus), Harrisson (Raphinha), Gugu e Adilson

Técnico: Reginaldo França

TIRADENTES: Jhones, Eduardo, Maceió, Kelvin (Itaitinga), Bruno, Nanin, Diego (Ernesto), Jonatan (Lucas Neres), Alan, Jailton e Valdir Papel

Técnico: Sérgio Alves

GOLS: Gugu (2x) e Valdir Papel 

CARTÕES AMARELOS: Albano (Maranguape); Eduardo (Tiradentes); Rafael Bizinga (Maranguape); Harrisson (Maranguape); Emerson (Maranguape); Bruno (Tiradentes); Maceió (Tiradentes) e Milton Buqueirão (Maranguape)

Árbitro: Rodrigues Júnior

Assistente 1: Renan Aguiar

Assistente 2: Carolina Romanholi

4º árbitro: Sousa Filho

Público total: 193 pessoas

Renda: R$ 456,00

Lido 162 vezes Última modificação em Domingo, 12 Fevereiro 2017 15:16